Reciclagem do lixo é tema de concurso de educação ambiental do CAT

O Clube Amigos da Terra (CAT Sorriso) em parceria com a Secretaria Municipal de Educação lançaram nesta quinta-feira (01/06) a VI edição do concurso de educação ambiental do Projeto Sorriso Vivo. O tema escolhido este ano foi “Lixo no capricho – recicle com responsabilidade”.

A proposta foi apresentada aos diretores da rede municipal de educação e será levada para professores e coordenadores. A intenção é trabalhar o tema com alunos do 1º  ao 5º ano do ensino fundamental, com o auxilio da cartilha Amigos da Terra. Um material lúdico com mais de 20 páginas, com histórias, ilustrações e atividades que envolvem as crianças de forma muito espontânea.

A cartilha Amigos da Terra é uma das ações do programa Sorriso Vivo que nasceu no dia 05 de junho de 2006 (propositalmente no dia do meio ambiente) e este ano comemora 11 anos de existência. Foi criado com o objetivo de disseminar práticas ambientais pensando nas futuras gerações.

Para a secretária executiva do CAT, trabalhar a educação ambiental nas escolas é pensar no futuro. “O lixo é uma preocupação de todos nós e as crianças precisam se envolver e aprender desde cedo que não se deve jogar lixo em qualquer lugar e que existem materiais que podem ser reciclados”.

Foi por entender que o trabalho de orientação e conscientização nas escolas deve ser contínuo que o CAT criou a cartilha Amigos da Terra.  O material está na quinta edição e é distribuído gratuitamente nas escolas municipais.  O material é elaborado por profissionais capacitados para tocar e chamar a atenção das crianças.

Para a secretária de Educação de Sorriso, Lúcia Drechsler, o tema pode ser tranquilamente inserido no conteúdo escolar. “A adesão ao projeto vai depender de cada escola mas entendemos que o assunto é de extrema importância e alunos e professores só tem a ganhar”.

As cartilhas serão entregues nas escolas e os professores terão cerca de 4 meses para incentivar o desenvolvimento de trabalhos com soluções sustentáveis para cuidados e atitudes positivas a favor do meio ambiente, dando destaque ao reaproveitamento do lixo na confecção de materiais criativos, que servirão de instrumentos para enriquecer as aulas, facilitando assim, o processo de ensino e aprendizagem.

A exposição dos trabalhos será realizada na escola, no dia 22 de setembro com a participação da comunidade escolar. A comissão julgadora levará em conta a originalidade, criatividade, o uso de material recilcado/reaproveitado e a funcionalidade do objeto/utensílio/brinquedo.

Serão premiados o professor e a turma que apresentar os três melhores trabalhos.

Selecione o Idioma
Rolar para cima
×
%d blogueiros gostam disto: